Ligamos para Você
Telefones para Contato

Lançamento Canopus na Península Barra da Tijuca – Ao lado Soul Península

Ficha Técnica do Lançamento Canopus na Península 

  • Área total do terreno : 8.454,54m²
  • Numero de Blocos : 3 Blocos 
  • Numero de unidades : 304 Unidades 
  • Descrição : 2 Subsolos + Terreno+ 15 Pavimentos tipo + Cobertura
  • 180 Apartamentos com 2 Suítes de 75m²
  • 120 Apartamentos com 3 suítes de 95m² a 105m²
  • 4 Coberturas Lineares 

A Península foi concebida para ser um bairro nobre  e planejado dentro da gigante Barra da Tijuca, todo o projeto foi pensado para a qualidade de vida do morador, a área de lazer é magnífica a segurança é máxima e a trilha ecológica é exclusiva do morador da Península na Barra da Tijuca. A Península: A Península recebeu o mais importante prêmio do mercado imobiliário carioca como reconhecimento por seu projeto urbanístico único no Rio de janeiro, reafirmando a consciência ecológica da Carvalho Hosken, capaz de transformar o jeito de construir e viver do carioca Preservação ambiental e ocupação urbana. Durante muito tempo foi difícil acreditar que estes dois movimentos pudessem ser conciliados. A Península, primeiro bairro ecológico da cidade do Rio de Janeiro, provou que o homem é capaz de intervir de maneira positiva na natureza, estabelecendo com o meio ambiente uma relação de total respeito e harmonia. A construção civil e a consciência ecológica encontraram a sua melhor forma de expressão neste empreendimento, iniciativa pioneira no Brasil, que já conquistou prêmios internacionais, traduzindo uma área de excelência natural em plena URB da Barra. Foram mais de 20 anos de árduo trabalho para viabilizar o sonho da construtora Carvalho Hosken de inaugurar um conceito urbanístico arrojado a partir da recuperação de uma grande área na Barra da Tijuca, que durante anos vinha sofrendo com a degradação ambiental. Vizinha ao Barrashopping, a área teve seu ecossistema original restaurado, incluindo a recuperação da faixa marginal de proteção de parte da Lagoa da Tijuca, com manguezais e vegetação de restinga. Um novo modelo de intervenção em que a preocupação ambiental precede a construção. O projeto, um dos mais importantes do mundo, foi entregue a Fernando Chacel. Um dos nomes mais respeitados da geração posterior a Roberto Burle Marx, o arquiteto é responsável pelo programa paisagístico e ambiental que trouxe de volta a flora e a fauna nativas da região. Com a participação de inúmeros profissionais, entre cientistas, biólogos, paisagistas, engenheiros e técnicos, a Carvalho Hosken concentrou esforços, investiu tempo e recursos financeiros para reverter um processo de degradação ambiental aparentemente inevitável. O resultado é um bairro equivalente ao Leblon, com apenas oito por cento da sua área total ocupada com edificações, cercado de vegetação de restinga e manguezais, flora e fauna típicas da Barra da Tijuca, dois imensos parques com 45 mil m2 cada um, cinco jardins temáticos, além de 3 km de trilha ecológica urbana plana com equipamentos de esporte e lazer. A localização privilegiada e a vista para os mais belos marcos naturais da região, como a Pedra da Panela, a Pedra do Itanhangá, o Maciço da Tijuca e a praia da Barra, já indicavam o sucesso deste empreendimento. Lançada em outubro de 2002 para o mercado imobiliário, a Península ofereceu terrenos que imediatamente conquistaram as principais empreendedoras do país. Hoje, o bairro está quase completo e o Soul Península é uma oportunidade para quem deseja morar no melhor da Península

CADASTRE-SE DIRETO COM A CONSTRUTORA

Captcha